Comportamento LifeStyle Moda e Estilo Tatuagem

Tatuagens para o casal fazer juntos #2 – Dicas na hora da escolha

Veja 10 dicas para quem quer marcar relação amorosa com tatuagem

Tatuadora Gabriella Drouguett pontua principais erros dos apaixonados.
‘Quando a relação termina, ver o nome tatuado dá uma angústia’, alerta.

 

1ª dica: Não tatue nomes
“Quando a relação termina, ver o nome tatuado dá uma angústia grande e o que a pessoa mais quer é tirar aquilo do corpo. Nem sempre as relações terminam bem. Quando se tem outro símbolo do relacionamento, é mais fácil de lidar “, explica. Ela conta ainda que, quando se tem um nome tatuado, as pessoas sempre perguntam: “de quem é esse nome? é seu namorado?. Nunca é bom dizer, é do meu ex”.

2ª dica: Faça em tamanho pequeno
Se a pessoa insistir e resolver tatuar o nome do companheiro ou companheira ou um símbolo, escolha tatuar em um tamanho pequeno, ensina Gabriela. Ela diz que, se a relação terminar, nem sempre dá para fazer um outro desenho por cima quando o de baixo é muito grande. “Quanto maior, mais difícil fica de fazer uma cobertura. O desenho para cobrir tem que ser muito maior do que o de antes e nem sempre fica legal”, diz.

3ª dica: Local – “Esqueça o pulso”
Gabriella conta que, quando as pessoas ainda insistem em tatuar nomes, o primeiro local escolhido é o pulso. “Esse é outro erro. O pulso é um péssimo lugar para cobrir porque é muito pequeno. Se a pessoa continua insistindo em tatuar o nome, o melhor local para fazer é onde ela possa cobrir depois, caso a relação não dê certo”, afirma.

Namorado fez desenho em homenagem a namorada (Foto: Gabriella Drouguett / Arquivo Pessoal)
Namorado fez desenho em homenagem a
namorada (Foto: Gabriella Drouguett /
Arquivo Pessoal)

5ª dica: “Não faça rosto”
“Evite fazer o rosto da pessoa. Isso só se faz com o filho, pai, mãe e olhe lá. Se a relação terminar de forma complicada, a pessoa não vai querer ver o rosto do ex de forma alguma. Essa é uma das tatuagens mais difíceis de cobrir”, completa.

6ª dica: Escolha um símbolo do relacionamento
“Sempre oriento quem vem querendo fazer uma homenagem ao companheiro (a), em escolher uma imagem que possa simbolizar a relação. Pode ser um coração ou outro símbolo do casal. Pode ser também uma frase. Se for uma frase, a dica é colocar uma parte em um corpo e outra no outro”.

7º dica: Pense duas vezes
“Tatuagem é algo muito sério, que deve ser pensado e repensando antes de ser feito. Quando a questão envolve a relação com outra pessoa, esteja certo que essa pessoa merece essa homenagem. O mais importate é se sentir bem consigo mesma. Se a relação não der certo e terminar de forma amigável, repense em deixar no corpo”.

8ª dica: Escolha o tatuador certo
“Essa dica é super importante porque já tive que ‘arrumar’ erros em tatuagens. Escolha alguém que você tenha pesquisado bastante o trabalho. Já tive um caso de pessoa que tatuou duas peças de jogos, uma em cada pessoa. Aí vieram até mim para eu arrumar, porque as peças não se encaixavam”, revela.

9ª dica: Escolha o estúdio certo
A dica vale para todo tipo de tatuagem. “Escolha um local seguro, que seja atento com as questões sanitárias e legais. Só faça mesmo se tiver certeza de que o desenho, nome ou frase é aquele mesmo”.

10ª dica: Não cometa o mesmo erro
“Tem gente que tatua o nome, termina com a pessoa e vem cobrir a imagem. Meses depois volta para o estúdio para escrever o nome de novo porque voltou com o ex. Isso acontece mais do que as pessoas imaginam”, finaliza.

 

fonte: G1