#SomosTodosMacacos: Daniel Alves come banana atirada por torcedor e internautas iniciam ação contra o racismo

0
364

Neste domingo (27), Daniel Alves deu uma aula contra o racismo: em meio a uma cobrança de escanteio, o jogador do Barcelona apanhou uma banana jogado pela torcida e a comeu ali mesmo.

Detalhe: em um novo escanteio, momentos depois, o lateral cobraria para o gol de empate do seu time, que viria a vencer a partida contra o Villareal por 3×2.

Se a resposta às provocações não fossem suficientes por parte do jogador, a Internet ainda daria uma força na campanha: a tag “#SomosTodosMacacos” dominou o Twitter.

Até o parceiro de clube e seleção, Neymar, entrou ao publicar a expressão com uma foto junto do filho; ambos com bananas, verdadeiras e de brinquedo.

Irreverente, Daniel Alves ainda publicou o vídeo do lance em seu Instagram e provocou: “Meu pai sempre me falava: filho come banana que evita cãibra rsrs, como adivinharam isso?”

Assim como no futebol espanhol, no sulamericano o racismo também é algo recorrente, como vimos nos casos dos jogadores Tinga e Arouca e do árbitro Márcio Chagas da Silva.

Recentemente, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) iniciou uma campanha oficial contra o preconceito no esporte, intitulada “Somos todos iguais”; Rappin Hood participa no vídeo de divulgação.