Dicas de alimentação e tratamentos que podem ajudar a dar um fim ao problema

Untitled-1

A celulite é uma das vilãs mais odiadas pelas mulheres. E são diversos os fatores que a desencadeiam, como sedentarismo, fatores genéticos, alterações hormonais, problemas no sistema circulatório e, principalmente, maus hábitos alimentares.

Para combater a celulite há várias opções de tratamentos estéticos, mas eles, sozinhos, não adiantam se não houver uma mudança na alimentação. “O indicado é substituir lanches com gordura danosa por refeições ricas em nutrientes, além de manter uma hidratação correta e gradual ao longo do dia. Assim o metabolismo trabalha corretamente e os resultados são visíveis no corpo”, explica o nutricionista clínico e funcional Fábio Bicalho.

Tipos de celulite

Existem três graus de intensidade da celulite.

Grau 1: Não apresenta irregularidade aparente, mas algumas ondulações podem ser observadas ao comprimir a pele.

Grau 2: Possui ondulações ou depressões (furinhos) que podem aparecer em pé, mesmo sem comprimir a região afetada, sugerindo o quadro inflamatório da celulite.

Grau 3: Além de ondulações e depressões aparentes mesmo sem comprimir o tecido, pode ainda apresentar nódulos e aspecto endurecido, inclusive com dor ao comprimir a região afetada.

Como acabar com a celulite

– Manter uma alimentação saudável é o mais importante. Evite alimentos inflamatórios, como os industrializados ricos em aditivos, corantes, sódio e gorduras danosas, ou seja, salgados, maionese, queijos amarelos, margarina, manteiga, leite integral, refrigerantes, sucos industrializados, molhos e temperos prontos, carne vermelha em excesso, dentre outros.

Tratamentos estéticos, especialmente se aliados à alimentação e indicado por um especialista, são boas alternativas. Procedimentos como a lipomassagem, radiofrequência, laser e ultrassom têm resultados satisfatórios. “Os tratamentos estéticos trazem bons resultados, mas não podemos esquecer que boa alimentação, prática de exercícios e outros cuidados físicos também são importantes para se manter saudável e com o corpo em forma. É importante também consultar um médico, que irá fazer uma avaliação individual de cada paciente. É possível planejar um tratamento mais completo, com o uso de diferentes equipamentos e tecnologias”, explica a médica Christiana Blattner, membro efetivo da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

– Ao aplicar cremes anticelulite, faça massagens circulares, que ajudam a ativar a circulação. A dica é da dermatologista Paola Queiroz Vaz, da Clínica  Estética Almazen, no Rio de Janeiro. Ela ressalta ainda que o uso das substâncias na forma injetável (mesoterapia) é mais eficaz do que na forma de cremes ou gel.

– A acupuntura, que tem o poder de curar muitas doenças, pode ajudar também a tratar a celulite. “O tratamento da celulite é feito por meio da eletroacupuntura, que são presas a eletrodos que emitem impulsos elétricos ao corpo, auxiliando a produção de colágeno”, explica a especialista em acupuntura Aparecida Enomoto.

– Pratique atividades físicas. A perda de peso e de gordura localizada, bem como a aceleração do metabolismo, são ótimos para eliminar celulite.

– O fumo é prejudicial e deve ser evitado.