Google começa a vender o Glass para qualquer interessado nos EUA

0
288

Segundo o Olhar Digital, depois de uma breve oferta, o Google finalmente decidiu vender o Glass para qualquer interessado definitivamente. Nesta terça-feira, 13, a empresa declarou o início da fase “open beta” de seus óculos inteligentes, deixando de restringir quais usuários poderiam ter acesso ao aparelho.

Por enquanto, porém, o aparelho só será vendido nos Estados Unidos, e a empresa já falou que não há planos de oferecê-lo em outros países. Brasileiros que estiverem por lá, no entanto, podem comprar o aparelho se preferirem.

O dispositivo continua sendo vendido por US$ 1,5 mil e ainda se trata de uma versão de testes. Ao participar do “Explorer Program” (como é chamado o programa de testes do Glass), o comprador precisa estar ciente de que o dispositivo não está em sua versão final; o usuário está participando do desenvolvimento do produto com suas opiniões. Quando estiver finalizado, ele deve ser vendido a um preço mais convidativo.

Até hoje, para entrar no programa, era necessário enviar uma solicitação para o Google explicando seus objetivos com o Glass. Depois de receber a aprovação, ainda assim seria necessário pagar os US$ 1,5 mil.

Quem estiver curioso e estiver nos Estados Unidos ou conhecer alguém que está por lá pode ver em detalhes clicando aqui.

Aparentemente, o sucesso da oferta aberta de um dia do Glass, que acabou esgotando os estoques, foi um catalisador para a decisão do Google de abrir de vez o programa de testes.

A empresa também divulgou um vídeo agradecendo aos Explorers pelo apoio no desenvolvimento do aparelho até agora.

A Google demorou bastante, mas com certeza ela abriu as vendas com medo de que outra empresa saia na frente e lidere o mercado que ela própria criou, já vimos isso acontecer no passado com outras empresas.