É parece que já até passou da hora de parar de chamar os eSports de “brincadeira de criança”, pois nesta sexta (5) O The International, o maior torneio de “Dota 2“, alcançou a marca de US$ 11 milhões em prêmios e, com isso, se tornou o evento de eSports com a maior premiação da história, mas pelo jeito esse record é uma coisa que vamos ter que nos acostumar a ver sendo sempre quebrado. No ano passado a disputa distribuiu US$ 10,930,698 em prêmios.

Convertidos para o Real na cotação de hoje, a premiação passa dos R$ 34 milhões. Para fins comparativos, essa premiação ultrapassa  o que foi distribuído no Campeonato Brasileiro, que no ano passado dividiu R$ 30 milhões entre os 16 melhores times da disputa.

O The International acontecerá entre os dias 3 e 8 de agosto, em Seattle, nos EUA. A edição 2014 do The International também foi realizada em Seattle e teve como campeão o time chinês Newbee, que faturou o prêmio de US$ 5 milhões.

 

Financiamento público

Inicialmente, o International teria uma premiação de US$ 1,6 milhão, oferecida pela própria Valve, produtora de “Dota 2”. Mas sempre que um jogador compra um item no valor de US$ 10, porém, cada jogador ‘doa’ US$ 2,5 para o total. Assim, através de uma espécie de financiamento público, a produtora alcançou a maior premiação já distribuída em um torneio de eSports.

A soma já é maior que a distribuída anualmente pelo Aberto dos Estados Unidos de golfe (US$ 9 mi) e a da final mundial de “League of Legends” em 2014 (US$ 2 mi), e ainda pode crescer, já que a Valve continuará recebendo ‘doações’ até o início das finais da competição.

No fim das contas os próprios fans estão financiando o campeonato e ajudando na fomentação não apenas do Dota 2, mas de todo o cenário gamer.

 

fonte UOL Jogos