Um novo estilo de festa tem feito sucesso em Buenos Aires, na Argentina. Os ritos são iguais aos casamentos tradicionais, com troca de alianças, trajes de gala, bebida à vontade, doces e o buquê. No entanto, a cerimônia é feita por atores que se casam de mentira, apenas pelo pretexto de rolar uma festa.

A ideia surgiu entre quatro amigos, que organizaram um casamento falso para curtir a festa juntos sem que alguém precisasse realizar a união efetivamente. “Tiramos os protocolos que aborrecem qualquer jovem entre 25 e 35 anos e deixamos o que todos buscam, como o open bar, sushis, mesa de doces, banda ao vivo com muito estilo e glamour e, sem dúvida, a exigência de se vestir de gala”, disse ao G1 Martin Acerbi, 26 anos, um dos idealizadores da festa.

Nas celebrações, que têm ingressos a partir de R$ 140, eles sempre surpreendem os convidados com uma história diferente, como noivos que brigam antes de se casar, padrinhos que acabam casando no lugar dos noivos ou um amante que interrompe a celebração, rouba o noivo e casa com ele, deixando a noiva de lado.

Os eventos, que atraem de 300 a 600 pessoas, são totalmente pagos pelo preço da entrada e, para não extrapolar o custo, as festas começam às 23h30 sem jantar, sendo servidos apenas sushis e sanduíches. “As festas têm um custo elevado, tão caro como uma real. Trabalhamos com fornecedores reais do mercado dos casamentos”, acrescentou Acerbi.