Uma menina de 14 anos de idade, que escapou da guerra na Síria, está sendo forçada a se casar com um desconhecido de 44 anos de idade em troca de refúgio seguro para sua família na fronteira. Os pais de Hanifa Amar dizem que não podem pagar os US $ 250 (cerca de R$590) de aluguel mensal de uma casa no Líbano para onde eles fugiram.
O dono da residência concordou em deixa-los ficar, mas isso apenas se Hanifa se tornar sua segunda esposa. “Toda a minha vida está destruída. Eu não quero me casar com ele, mas se eu fizer isso a minha família poderá ficar na casa,” disse Hanifa.
A adolescente tinha esperança de se casar com o primo de 22 anos que morreu lutando na Síria em 2013. Mas agora ela está tendo que tomar medidas desesperadas para ajudar sua família a sobreviver depois que eles foram ameaçados de despejo.
A mãe da adolescente disse que o marido sofre com problemas cardíacos, e não pode arriscar mudar-se para uma barraca. Além disso seu filho tem asma e pode morrer com o frio. Ela disse que não deseja o sofrimento da filha, mas não vê outra alternativa. O conflito na Síria já deixou mais de 100 mil mortos e cerca de 2 milhões de desabrigados.